10.1.13

O melhor de mim

Esse foi o livro mais tenso que li do Nicholas Sparks...

O melhor de mim narra a história de Amanda Collier e Dawson Cole que, na época da adolescência, foram completamente apaixonados.

Dawson fazia parte de uma família muito mal vista na cidade de Oriental. Pois, a maioria de seus integrantes, era envolvida com algum tipo de crime. Já, Amanda, pertencia a uma família de grande prestígio. Em vista disso, os seus pais eram completamente contra o romance dos dois.

Mesmo assim, Amanda fugia escondida de casa e ia se encontrar com Dawson.

Mas, os anos passaram, Amanda acabou indo para a faculdade e o namoro terminou...

No entanto, após 25 anos, eles voltam a se encontrar em Oriental devido à morte de Tuck Hostetler.

Tuck era um senhor, viúvo e solitário, mecânico, que acolheu Dawson quando ele precisou e confortou Amanda diversas vezes no decorrer dos anos. Tuck acabou se tornando um pai para ambos. Com a sua morte, Amanda e Dawson tiveram que retornar a Oriental para o velório e leitura do testamento.

Amanda, mesmo estando casada e tendo filhos com o atual marido, sente que o amor que sentia por Dawson ainda está muito vivo! E, Dawson, sente o mesmo.
Porém, eles ainda terão que vencer muitas barreiras, caso queiram retomar esse amor...

Não vou falar mais nada sobre o enredo para não estragar as surpresas que ocorrem durante a leitura.
Mas vou falar as minhas impressões sobre a leitura...

Achei o livro, até a metade, muito parado. No entanto, da metade para o fim, a leitura se tornou dinâmica e viciante.

A história não me convenceu muito e o fim, então, nem se fala. Foi forçado demais!

Mas, de um modo geral, gostei do livro. Não é um dos melhores livros do Sparks, porém, é um bom romance para passar o tempo...

Se você gosta dos romances do autor, provavelmente irá gostar desse também. Mas se prepare para enfrentar algumas tragédias durante a leitura...

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
O Melhor de Mim - O Primeiro Amor Deixa Marcas Para a Vida Inteira
Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam. Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre. Num romance envolvente, Nicholas Sparks mostra toda a sua habilidade de contador de histórias e reafirma que o amor é a força mais poderosa do Universo - e que, quando duas pessoas se amam, nem a distância nem o tempo podem separá-las.

Aproveite para ler um trecho do livro. :)

12 comentários:

  1. Angélica, eu assumidamente não gosto de Nicholas Sparks, mas ainda nutro alguma simpatia por "O Melhor de Mim", em decorrência do fato de ele me lembrar vagamente a história de "Diário de uma Paixão", que considero como sendo a sua melhor.
    Tragédia é com ele mesmo! hahaha Mas tudo bem, né!
    Gostei da sua resenha =)
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Desanimador, hein? ><
    E os livros continuam saindo, meldels! Tô planejando ler este agora porque acho que se não for logo, não vai nunca mais. Espero curtir pelo menos um pouquinho e não achar tão parado assim... Já disse aqui que foi "Um homem de sorte" que me traumatizou? Até então eu ainda gostava do autor, mesmo depois de ter sofrido MUITO com "A última música" — que todos amam, mas eu levei um mês inteirinho pra ler.
    Enfim, tentarei... nunca se sabe. =P

    ResponderExcluir
  3. Ain, cada vez estou com mais medo de pegar livros do Sparks para ler.
    No momento já estou passando longe de dramas, mas também não estou nada a fim de ler livros com final forçado :/
    Infelizmente, acho que vou passar longe dos livros do Sparks por um tempo,inclusive deste.

    Beijinhos,
    Thais Priscilla
    http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Angélica, tudo bem flor?
    Já faz algum tempo que estou com ressaca de Nicholas, e estou escolhendo alguns outros livros. Esse livro me parece interessante, mas acho que ainda vou esperar essa ressaca passar.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://vceoqueler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li nada do Nicolas e não vou começar por esse, rsrs.

    Bjo!

    ResponderExcluir
  6. Oi Angélica, pelo visto os últimos livros do Nicholas que você leu não convenceram... Eu adoro as obras do autor, gosto dessa coisa doce e melosa que ele escreve. rsrs
    Tenho esse livro, que espero ler em breve.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Angélica, pelo visto os últimos livros do Nicholas que você leu não convenceram... Eu adoro as obras do autor, gosto dessa coisa doce e melosa que ele escreve. rsrs
    Tenho esse livro, que espero ler em breve.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. O livro é lindo e emocionante do começo ao fim. Nicholas dedica pelo menos um capitulo para cada personagem, mesmo aos secundários. Assim se da para ter uma visão geral da estória. Mas o final te faz relembrar que o livro é realmente do Nicholas, pelo instinto assassino dele!

    Beijos
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Angelica!
    Eu adorava Sparks, mas como todos os livros terminam em tragédia, estou dando um tempo nele... Por isso não me interessei muito pelo livro.

    Beijos,
    Sora * Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  10. Para mim este foi o pior livro de Sparks. Depois desse eu jurei que não o lia mais. Odeio quando ele me usa. Bem, mas estes pensamentos já me fugiram, faz tempo, e eu já estou completando a minha coleção do tio Nik. Pois é, eu estou tentando ter todos os seus livros, ainda faltam alguns, difícil vai ser ler depois, kkk
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá.
    Adorei seu blog, suas postagens são muito bem escritas, parabéns.
    Estarei sempre por aqui.
    Até mais

    ResponderExcluir
  12. Sério que você não gostou tanto assim dele, ele é um dos meus favoritos do Nicholas.
    O final é tão lindo e me deixopu completamente arrasada. Sim, ele pareceu meio forçado mas tocou meu coração e eu me deixe levar por isso, rsrsrs.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir

Comente, participe dos bate-papos que rolam por aqui!!