11.7.13

Livros lidos em junho

Oi gente!!!

Como estão as manifestações por aí?
Aqui em POA, estão bombando!
É isso aí galera! Vamos lutar pelos nossos direitos! Chega de comer mosca!! \o/

Mudando de assunto, estamos quase no meio do mês eu ainda não fiz aquele post básico sobre os livros lidos no mês anterior.
É que em junho li tanto livro que não gostei, que acabei desanimando de fazer esse post. :s
Mas, para junho não ficar ausente, entre os meus livros lidos, então vamos lá!


Em junho, li sete livros e fiquei empaca em um. :/
Um, que ainda não tive ânimo de retomar... No fim do post, eu digo qual é. :p

Então, começando pelas decepções, vamos lá!


- Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll: fiquei tão decepciona com esse livro, mas tão decepcionada, que me deu vontade de bater no autor! É uma pena que ele já tenha morrido... Senão, o pau ia comer! :p Sério mesmo, acho que a Disney transformou a obra de Carroll em algo lindo e fantástico, bem diferente do livro... Achei a obra extremamente confusa e sem nexo. Para mim, o autor fumou maconha ao escrever o livro. Pois, é a única explicação que encontrei para tanta "viagem". Enfim... Mesmo assim, pretendo reler com mais calma num dia desses... Quem sabe, eu fazendo uma releitura, mude o meu conceito, né? De repente, o li em um momento não muito bom... Avaliação: 2 estrelas. Obs.: a parte da maconha é brincadeira, tá? Hihi! :p

- Liberte Meu Coração, de Meg Cabot: esse é um livro que deixa bem claro que não se deve comprar pela capa... Desde que foi lançado, fiquei apaixonada por essa capa! Então, assim que pude, comprei o livro correndo! No entanto, achei a trama bem chatinha... Um romance bobo, que não conseguiu prender a minha atenção. Além disso, eu estava esperando encontrar um pouco do humor típico dos livros da Meg Cabot. Porém, neste, não há nenhum. Enfim, Liberte Meu Coração, é um romance que tenta ser histórico, mas que não consegue. É um livro que até pode agradar ao público adolescente... Mas, já os adultos... Não sei não. Avaliação: 2 estrelas.


- O Mágico de Oz, de Lyman Frank Baum: mais um livro que a Disney transformou em algo inesquecível! Eu simplesmente amooo o filme O Mágico de Oz! \o/ Até o novo, gostei bastante. Porém, o livro, deixa a desejar... É praticamente igual ao filme. Mas, esse último, é mais mágico! A narrativa do livro é muito objetiva, não deixa a nossa imaginação fluir muito... Além disso, o final é bobo. O do filme é mais bacana. Enfim, acredito que é um clássico inesquecível que merece ser lido. Mas, se você for pensando que é igual àquele clássico maravilhoso, poderá se decepcionar. Avaliação: 3 estrelas.

- Bruxos e Bruxas, de James Patterson e Gabrielle Charbonnet: mais um livro polêmico... A garotada está gostando bastante! Já, os mais céticos, estão torcendo o nariz. Bruxos e Bruxas, é um livro eletrizante, com bastante aventura e uma narrativa viciante! Porém, a história é fraca e sem sentido. Fica faltando muitas e muitas explicações, deixando o leitor perdido. Mesmo assim, pretendo ler a continuação. Pois, fiquei curiosa para saber o que irá acontecer com os bruxinhos adolescentes da trama. Avaliação: 2 estrelas. ** Você pode conferir a resenha completa AQUI. E participar do sorteio de um kit lindão AQUI.

Agora, vamos aos livros que adoreiiiii!!!! \o/ \o/


- Adeus, China: o último bailarino de Mao, de Li Cunxin: gente, esse livro é perfeitooo! Uma história emocionante de luta e superação. Passa uma mensagem linda, para levarmos para o resto da vida. Eu super indico essa leitura! Entrou para a lista de meus livros favoritos!! :D Avaliação: 5 estrelas. ** Você pode conferir a resenha completa AQUI.

- Sangue na Neve, de Lisa Gardner: se você está com vontade de ler um trhiller emocionante, que prende a atenção até a última página, esse livro é a escolha certa! Sangue na Neve é bom demais! Você fica curiosa (0) para desvendar o caso e devora o livro (que é enorme) em poucas horas! A única coisa que, a meu ver, deixou a desejar, foi o fim... Achei meio "dã". Assim como no livro anterior da autora - Viva para Contar. Mas, mesmo assim, valeu cada página! Em breve, resenha aqui blog! \o/ Avaliação: 4 estrelas.


- Damas de Honra, de Jane Costello: esse é um livro leve e divertido, bem gostoso para se passar o tempo de forma despretensiosa. É um chick-lit com um romance fofo e clichê - como a maioria dos livros desse estilo. Porém, curti a leitura! Passei horas gostosas com esse livrinho. :) Avaliação: 3 estrelas.

- Paperboy, de Pete Dexter: eu estava loucaaa para ler esse livro! Então, assim que chegou, o peguei correndo! Porém, EMPAQUEI! Ainda não consegui chegar nem à metade... E já o li por vários dias! O.o Em vista disso, acabei o deixando de lado para ler outros livros enquanto isso... Mas, até agora, não me senti motivada a voltar a lê-lo. A história é muito parada. Você lê páginas e mais páginas, mas parece que não saiu do mesmo lugar. Mesmo assim, pretendo terminar a leitura. Só não sei quando... Hehe!

E vocês? O que leram de bom no mês passado?

Espero que não me atirem pedras devido às críticas que fiz a muitos dos adorados livros de muita gente... É que neste mês estou rebelde mesmo!! E sem papas na língua! Hehehe! :p

Boa sexta galera!
E boa leitura, no fim de semana! :D Uhuuu!

8.7.13

A Casa das Orquídeas

Eu queria tanto ter gostado deste livro... Uma capa linda, uma premissa interessante... No entanto, a história não me conquistou.

A Casa das Orquídeas, de Lucinda Riley, tem Júlia Forrester como personagem principal.

Júlia está morando recentemente em uma cabana, um pouco retirada da cidade, que pertence à sua família.  Pois, ela está precisando "dar um tempo" para superar uma grande tragédia que aconteceu em sua vida.
Tudo começa quando Alícia, irmã de Júlia, a convida para ir a um "brechó" realizado na mansão Wharton Park, para procurar um presente interessante para o pai delas que está de aniversário.
A escolha de Alícia, em comprar o presente nesse brechó, é devido ao passado que ela e a sua irmã tiveram nessa mansão. Elas se criaram lá! Pois, são netas do antigo jardineiro da casa.
Em vista disso, Júlia sente muito carinho pela mansão Wharton Park e lembra-se com muitas saudades da época em que ficava horas "perdida" na estufa de orquídeas da casa.
Os atuais proprietários não possuem mais condições financeiras de manter a mansão. Por isso, estão vendendo os objetos da casa para, posteriormente, colocá-la a venda.
Em meio a objetos, dos mais sortidos possíveis, Júlia se encanta com algumas telas que possuem orquídeas pintadas. Ela acredita que o seu pai irá gostar de ganhar um presente desse tipo. Porém, ao dá-las de presente ao seu pai, descobre que aquelas orquídeas não são simples pinturas e, sim, parte da sua história familiar.

A partir daí, o livro passa a ser narrado em diferentes momentos - presente e passado.
Temos Júlia e Alícia no presente e Olívia e Harry Crawford no passado.
E é através de Olívia e Harry que ficamos sabendo de toda a história da mansão Wharton Park.

Em suma, este é um livro que aborda relações familiares e os mais diversos sentimentos, como amor, desilusão, traição etc. Traz à tona segredos familiares, que ocorreram no passado, mas que possuem o poder de alterar o futuro.

Eu costumo gostar bastante de histórias assim. Porém, esta, não me convenceu nem um pouco!

Achei os personagens chatos e superficiais! Julia, que é a personagem principal, está sempre apática, mesmo sofrendo perdas, amando, etc. Chega a ser irritante!
Por mais que o livro contenha situações de cunho emocional, a autora não conseguiu transmitir as emoções e os sentimentos dos personagens.
E também não gostei da narrativa da autora. Não é ruim... Mas funcionou como um belo sonífero para mim. :( Toda vez em que eu pegava o livro para ler, ficava entediada e muitas vezes até dormi sentada - sério mesmo!!
Além disso, a meu ver, a autora prolongou muito a história sem necessidade. Foi muito "lenga lenga" para nada.
Outro fato que achei bizarro é que, durante a trama, ocorrem situações que deixariam qualquer um de cabelos em pé! No entanto, os personagens aceitavam tudo numa boa! O.o
E, para completar, o final é muito inverossímil e forçado! Quando terminei a leitura, fiquei com a sensação de ter lido um livro de banca em tamanho gigante. O.O  *Nada contra aos livros da banca, mas eu esperava mais de A Casa das Orquídeas. :s

Agora fiquei meio desanimada para ler a outra obra da autora que tenho aqui - A Luz Através da Janela. :s Mas, quem sabe eu tenha mais sorte com esse outro livro né?
Então acho que acabarei dando mais uma chance à autora...

Enfim, indico este livro ao público mais maduro. Mas que tenha paciência para ler um livro longo, sem muitas reviravoltas e com romance morno. :/

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
Quando criança, a pianista Júlia Forrester passava seu tempo na estufa da propriedade de Wharton Park, onde flores exóticas cultivadas pelo seu avô nasciam e morriam com as estações. Agora, recuperando-se de uma tragédia na família, ela busca mais uma vez o conforto de Wharton Park, recém-herdada por Kit Crawford, um homem carismático que também tem uma história triste. No entanto, quando um antigo diário é encontrado durante uma reforma, os dois procuram a avó de Júlia para descobrirem a verdade sobre o romance que destruiu o futuro de Wharton Park... E, assim, Júlia é levada de volta no tempo, para o mundo de Olívia e Harry Crawford, um jovem casal separado cruelmente pela Segunda Guerra Mundial, cujo frágil casamento estava destinado a afetar a felicidade de muitas gerações, inclusive da de Júlia.
Book Trailer:



Confira mais detalhes sobre a obra no site da editora Novo Conceito.
Aproveite para olhar os lançamentos, que estão bombando no momento!


Até a próxima pessoal! ;)

3.7.13

Resultado do sorteio "As Violetas de Março"

Oi gente!

Eu tinha em mente chegar em casa e criar um post com o resultado do sorteio e as minhas leituras de junho.
Mas, estou acabada, aniquilada, esgotada, cansada... Então, vou apenas postar o resultado do sorteio e, os livros lidos do mês, vou deixar para o próximo post. Pois, não estou conseguindo nem enxergar direito o que estou escrevendo aqui...


A sortuda da vez, que vai levar para casa esse kit lindão acima, é uma leitora assídua do blog, super querida e muito talentosa!

O nome dela é Luciana Maia!!

Parabéns Lu!!! \o/ \o/

Eu gostei bastante desse livro! Espero que você goste também! :)
E, quem ainda não conhece a obra, pode ler a resenha AQUI.

** Vocês podem conferir o resultado do sorteio no próprio post da promoção - AQUI - no formulário do Rafflecopter. ;)

Então até a próxima pessoal!
Agora vou ir descansar um pouco...

Últimos Instagrams

© Pensamento Tangencial. Design by FCD.