6.1.16

Quem sabe um dia

A maioria que se propõe a ler esse livro é porque é fã da atriz Lauren Graham ou da série Gilmore Girls.


Comigo não foi diferente. Como adoro tanto a atriz quanto a série, assim que vi o lançamento desse livro fiquei doida por ele!
Muito tempo depois, o consegui através de uma troca realizada no Skoob e, para minha surpresa, foi uma grande decepção. :s


Os personagens são fracos, rasos e não geram nenhuma empatia.
A história é enfadonha, não se desenvolve, ficando o tempo todo "chovendo no molhado". 
A personagem principal é a pessoa mais sem graça no mundo. Ela poderia sumir do livro que não faria falta. :p

O tema central do livro é o sonho da protagonista principal, que se chama Franny, em se tornar atriz.
Então o livro inteiro é a garota fazendo testes, desmarcando testes, arranjando um agente, perdendo um agente... e por aí vai. Um emaranhado de intermináveis diálogos chatos e de pensamentos que não levam a lugar algum.

Para se manter, Franny trabalha em suas horas vagas como garçonete e divide um apartamento com uma amiga e com um amigo que, para a minha tristeza, ambos sem sal também. O.o

Esses personagens, que poderiam ter sido bem desenvolvidos, em vez de tantas páginas em que não aconetece absolutamente nada, são bem apagadinhos e não acrescentam praticamente nada à trama.

Ah, e como todo chick-lit, tem um carinha por quem a personagem principal se apaixona, mas que é um babaca e outro, que é direitinho, que é aquele amigo por quem ela não se interessa muito... e que vocês já imaginam o final.

Outro ponto importante de mencionar é que esse livro está - a meu ver - longe de ser um chick-lit, apesar da capa dizer o contrário e de ter inúmeros elogios de autoras como Meg Cabot, Candace Bushnell e Emily Giffin. Pura "rasgação"! O livro não tem graça nenhuma e é entediante.

No entanto, a parte gráfica é bonitinha.
Contém a agenda de Franny, cheia de rabiscos.



E a narrativa da autora que, apesar de inexperiente no ramo da escrita, é gostosa, do tipo que flui naturalmente.

Resumindo... O problema é falta de acontecimentos durante as suas 367 páginas e personagens fracos demais. Tenho certeza que, se a atriz continuar se aventurando no mundo da literatura, a sua próxima obra será bem melhor e empolgante.

Mas, por enquanto, ela ainda tem muito a crescer. Assim como a sua personagem Franny, uma longa caminhada pela frente. E, "quem sabe um dia", ela consiga se tornar uma grande escritora. Pois, uma grande atriz Lauren Graham já provou que é. :)

Avaliação:


Skoob:

Sinopse:
Franny Banks é uma atriz lutando em Nova York, com apenas seis meses para o prazo de três anos que deu a si mesma para ser bem sucedida. Mas até agora, tudo o que ela tem para mostrar por seus esforços é uma única linha em um anúncio de camisolas feias de Natal e um emprego de garçonete degradante. Ela vive no Brooklyn, com duas companheiras de quarto, Jane - sua melhor amiga de faculdade, e Dan, um escritor de ficção-científica, que é muito, definitivamente não namorável. E está lutando por seus sentimentos por um cara suspeitamente charmoso de sua aula de atuação, tudo isso enquanto tenta encontrar um shampoo para seus cabelos que realmente funcione. Enquanto isso, ela sonha em fazer um trabalho "importante", mas parece que ela só consegue audições para propagandas de detergente líquido e comerciais de manteiga de amendoim. É díficil dizer o que vai acontecer primeiro: ela vai ficar sem tempo ou sem dinheiro, mas de qualquer forma, o fracasso significaria enfrentar o fato de que ela não tem absolutamente nenhum habilidade para sobreviver no mundo real. Seu pai quer que ela volte para casa e vire professora, seu agente não vai chamá-la de volta, e sua colega de aulas, Penelope, que parece incentivadora, pode só tornar a competição ainda mais difícil. Quem Sabe Um Dia é uma estreia engraçada e encantadora sobre encontrar a si mesmo, um amor e o mais difícil de tudo, encontrar um trabalho como atriz.

2 comentários:

  1. Oi Angélica, você vai rir, mas acredita que só a pouco tempo, pouquíssimo mesmo, foi que me atentei que a atriz em questão era a autora deste livro? Pois é, e olha que eu gostava da série dela... kkk
    Eu tenho o livro, mas ainda não o li. Uma pena que você não tenha gostado, espero que quando for ler, goste um pouco mais.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Capaz Rose?! Kkkkkk
      Tomara que você goste da leitura! :D
      Beijos!

      Excluir

Comente, participe dos bate-papos que rolam por aqui!!